Dia 01 Quinta-Feira

Matheus Vianna defende dissertação sobre cinemas baianos na próxima quarta-feira

Das 14h no dia 01 de Janeiro de 1970 YouTube

Filme Café com Canela (2017). Fonte: Fanpage do Filme.

A defesa da dissertação “Conflitos em Tela: uma trama de relações entre territorialidades e violências nos cinemas baianos” acontece no dia 26 de agosto (quarta-feira), às 14h, e será transmitida pelo YouTube neste link. Em seguida, o momento de deliberação pode ser visto neste link. Além da orientadora do trabalho, Itania Gomes, participam da banca de avaliação Valéria Maria Sampaio Vilas Bôas Araújo (UFS) e Ângela Freire Prysthon (UFPE). Em sua pesquisa, Matheus Vianna buscou conceber sua própria filmografia a partir das formas de compreender territorialidades e violências em filmes baianos, num movimento de desestabilizar e reconstruir contextos.

Sem recorrer ao estabelecimento de marcos e ciclos, enquadramento recorrente na bibliografia sobre o cinema brasileiro, o trabalho apresenta uma trama analítica composta por três eixos: Articulações entre discriminações raciais, de gênero e de classe; Enfrentamentos e incorporações na cultura popular e suas práticas; Violências de Estado. Para tal, o pesquisador se apropria do movimento de contextualização radical, proposto por Lawrence Grossberg (2010), que busca dar conta de mapear as relações em um processo cultural e realizar desarticulações e rearticulações a partir desses contextos construídos na pesquisa.