Dia 01 Quinta-Feira

Faculdade de Comunicação da UFBA recebe Semana Mahomed Bamba de Comunicação

Das 14h às 18h no dia 01 de Janeiro de 1970 Faculdade de Comunicação

15016191_1867306500166620_533068063605891013_o

Entre os dias 29 de novembro e 02 de dezembro acontece a Semana Mahomed Bamba de Comunicação uma ação coletiva do Programa de Pós-Graduação em Comunicação e Cultura Contemporâneas (Póscom) e da Faculdade de Comunicação da Universidade Federal da Bahia (Facom/UFBA) em homenagem à memória do professor Mahomed Bamba, por ocasião do primeiro ano de seu falecimento. As atividades acontecem no auditório da Facom, e a programação inclui mostra de filmes, conferências e mesas redondas.

No primeiro dia (29/11, quarta-feira), haverá a mesa-redonda “Um ser em errância”: memórias de Mahomed Bamba, com a participação de colegas de profissão, ex-orientandos e amigos que, através de suas falas e depoimentos, compartilham com o público memórias e histórias que guardam com o homenageado.  Após o bate-papo, será exibido o filme O bandido da luz vermelha (Rogério Sganzerla, 1968), um dos objetos da tese de Mahomed Bamba, publicada no livro O legível e o visível no cinema: o signo escrito na construção e leituras fílmicas (Appris, 2014). A sessão será comentada pela psicanalista Dra. Marcela Antelo.

No dia 30/11, quinta-feira, a mesa será dedicada aos estudos africanos, segmento em que Bamba muito contribuiu, sobretudo com suas análises fílmicas. A partir do tema Estudos africanos: olhares contemporâneos, os pesquisadores Artemisa Odila Candé (UNILAB), Detoubab Ndiaye (UNEB), Jusciele Oliveira (Universidade do Algarve/ Portugal) e Kabengele Munanga (USP) irão compartilhar com o público suas investigações no universo de estudos sobre a África. Após a mesa, o público terá a oportunidade de assistir ao filme nigeriano “Fifty”, de Biyi Bandele (Nigéria, 2015), seguido de comentários de Morgana Gama e Ana Camila, pesquisadoras do Póscom/Ufba, sobre a atual produção cinematográfica nos países africanos, com foco no cinema da Nigéria.

Nos dias 1º e 2/12, a programação da Semana se volta para os estudos de cinema, segmento em que o professor deu grandes e valiosas contribuições. O Laboratório de Análise Fílmica (LAF), grupo de pesquisa do qual Bamba também era integrante, aproveita o contexto de homenagens para realizar o I Seminário do Laboratório de Análise Fílmica, apresentando ao público as produções mais recentes do Póscom no que se refere à pesquisa em cinema. O primeiro dia do Seminário (01/12) conta com a presença de Lauro Zavala (Universidad Autónoma Metropolitana do México – UAM), pesquisador com destaque no ensino e pesquisa em análise fílmica e atual coordenador da área de Análise Cinematográfica no Doutorado em Humanidades da UAM.

O encerramento das homenagens será realizada no espaço Tropos Coworking (Rio Vermelho), a partir das 20h30, com show da cantora Neila Kadhí, acompanhada da Banda QualiZá, e exibição de videoclipes que compõem uma playlist de canções preferidas de Mahomed Bamba, com curadoria de Sirley Souza e Ana Camila.

 

SOBRE MAHOMED BAMBA
De família francesa, Mahomed Bamba nasceu na Costa do Marfim, onde se graduou em Letras na Université Nationale d´Abidjan, em 1992. Quando passou a morar no Brasil, ingressou na Universidade de São Paulo (USP), onde fez o mestrado em Linguística Geral e Semiótica e depois doutorado em Cinema e Estética do Audiovisual. Professor da Facom/Ufba, desde 2009, Bamba também fazia parte do Programa de Pós-graduação em Comunicação e Cultura Contemporâneas (PósCom) e ministrava disciplinas na área de cinema. Com uma trajetória brilhante e de valiosa contribuição na pesquisa em audiovisual, sobretudo em relação aos cinemas africanos e estudos de recepção, o professor faleceu na madrugada do dia 16 de novembro de 2015, aos 48 anos.