Dia 01 Quinta-Feira

TRACC participa de discussão sobre Tempos e Temporalidades das Mídias no PIMI

Das 09h no dia 01 de Janeiro de 1970 UFRJ

22491650_620167575038371_3467849336336061283_n

Em sua sexta edição, o seminário internacional do programa de pesquisa Patrimoines-Images-Médias-Identités (PIMI) aterrissa em terras cariocas e o Centro de Pesquisa em Estudos Culturais e Transformações na Comunicação (TRACC) não poderia ficar de fora. As mesas trazem o tema “Tempos e temporalidades das mídias: testemunho, gênero e patrimônios audiovisuais” e estão programadas para os dias 25 e 26 de outubro. Todo o evento acontece nos auditórios Pedro Calmon e da CPM na Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ).

O encontro reúne pesquisadores brasileiros e franceses dos campos da Comunicação e da História que abordam as relações do audiovisual com o tempo, assim como as múltiplas formas de sua participação na produção de sentidos históricos e de enquadramentos da memória social e individual, por meio de análise de acontecimentos, processos e produtos brasileiros e franceses.

A questão central dos encontros do programa de pesquisa PIMI está na análise das articulações das dinâmicas de patrimonialização, arquivamento, testemunho, memória, identidade e história com dispositivos, formatos e produtos audiovisuais.

O evento é organizado no âmbito do programa PIMI pelo UMR TELEMME (Aix-Marseille Université – CNRS), pelo UMR LARHRA (UMR 5190 CNRS), pelo grupo Ceisme (CIMParis EA1484), pela Fonoteca e Pólo de Imagem, som e práticas digitais da MMSH. Pelo Brasil, além do Programa de Pós-graduação em Comunicação e Cultura da Faculdade de Comunicação da UFBA (PósCom), participam o grupo de Pesquisa Imagem e Sociabilidade da Universidade Federal de Minas Gerais, o grupo Mídia, Memória e Amnésia da Universidade Federal do Rio de Janeiro e a Universidade Federal de Santa Maria.

Sobre o PIMI – O programa é um acordo de cooperação científica entre o Brasil e a França, aprovado pelo Centre National de la Recherche Scientifique (CNRS), na França. O evento teve a sua primeira edição realizada na Maison Méditerranéenne des Sciences de l’Homme (Aix-Marseille Université), em Aix-de-Provence, em abril de 2015. Sua quarta edição aconteceu na Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), em outubro de 2016, em Belo Horizonte.

Os encontros possibilitam que os pesquisadores franceses e brasileiros possam estabelecer a interlocução acerca dos estudos de mídia, através do compartilhamento de experiências de pesquisa, fortalecendo a rede de intercâmbio científico sobre a área.